Blog Aqui vamos conversar, refletir e de certa forma conviver.

Conversa, sábado, 11 de fevereiro 2012

Igreja

Estou o dia inteiro hoje, no aeroporto de Roma, impedido de viajar para o Brasil, pela neve e pelo gelo que está bloqueando Roma e uma boa parte da Itália. Aqui escrevo e leio. Li nos jornais italianos que o ambiente de intrigas e politicagem pelo poder existente na cúria do papa em Roma tem piorado muito com denúncias de irregularidades econômicas e de todo tipo. Ao mesmo tempo, estou na metade do novo livro do teólogo alemão Hans Kung: "Salvemos a Igreja". Nesse livro (que ainda não existe em português), ele analisa a estrutura do papado e propõe uma reforma que mantenha a função espiritual do papa como patriarca do Ocidente e primaz encarregado da unidade das Igrejas, mas não mais chefe de Estado e concentrando em si todo o poder como um monarca absoluto (poder executivo, legislativo e judiciário). Pessoalmente, cada vez mais volto ao Concílio Vaticano II e ao que ele ensinava: a Igreja é Igreja local em comunhão com as outras Igrejas no mundo inteiro. E como diziam os bispos em Medellin: deve ser pobre e despojada do poder para ser lugar de comunhão para toda a humanidade. 

Marcelo Barros

Camaragibe, Pernambuco, Brazil

Sou monge beneditino, chamado a trabalhar pela unidade das Igrejas e das tradições religiosas. Adoro os movimentos populares e especialmente o MST. Gosto de escrever e de me comunicar.

Informações

contato@marcelobarros.com