Blog Aqui vamos conversar, refletir e de certa forma conviver.

Conversa, sexta feira, 16 de setembro 2016

Ontem à noite em Terni, uma cidade próxima de Roma, pediram para que eu falasse sobre os 50 anos do Concílio Vaticano II e a profecia de Dom Helder Camara. Era uma Igreja cheia de gente e falei um pouco mais de meia hora, mas depois, por mais de duas horas, fiquei respondendo perguntas e comentando assuntos que as pessoas provocavam.

Hoje pela manhã, de carro, fui até Roma, onde encontrei o cardeal Walter Kasper. Ele é alemão. Hoje já tem seus 80, mais apesar de aposentado, é um dos cardeais mais ligados ao papa Francisco e é um dos maiores colaboradores do papa. (No Vaticano, ele foi presidente do Conselho Pontifício para a Unidade dos Cristãos).

Saímos de Roma, juntos, em um carro, com o jornalista Rafaele Luisi e o amigo Antonio Vermigli. Fizemos a viagem de Roma a Quarrata, perto de Florença. Chovia. A auto-estrada estava com o trânsito muito intenso e em alguns lugares engarrafado. Passamos o dia quase todo na estrada. O cardeal, tranquilo e sempre de bom humor. 

Aqui, nessa noite, o Cardeal deve apresentar um livro sobre a Misericórdia e eu tenho em outra Igreja uma conferência sobre "Como passar do medo à esperança". É impressionante como na realidade italiana, as pessoas sentem o medo como uma realidade cotidiana e pedem para refletir sobre como a fé pode nos ajudar a passar do medo à esperança e sem dúvida à liberdade interior.

Marcelo Barros

Camaragibe, Pernambuco, Brazil

Sou monge beneditino, chamado a trabalhar pela unidade das Igrejas e das tradições religiosas. Adoro os movimentos populares e especialmente o MST. Gosto de escrever e de me comunicar.

Informações

contato@marcelobarros.com