Blog Aqui vamos conversar, refletir e de certa forma conviver.

Momento bíblico - sábado, 24 de setembro 2011

Quando vemos como o mundo está organizado e a força imensa do poder econômico que domina tudo, podemos pensar que as promessas de Deus na Bíblia e em outros livros sagrados não sejam reais e não queiram dizer nada. É claro que muitos crentes que aderem a movimentos messiânicos creem em uma intervenção milagrosa de Deus no mundo. A salvação seria assim. As pessoas mais críticas não creem nisso. Sabem que Deus atua através da história. Vêem mais a inspiração divina nos movimentos populares organizados para libertar os escravos, para promover a justiça e a paz. Para mim, orar um salmo como o salmo 23 me ajuda não a imaginar que Deus vai intervir diretamente no mundo para fazer triunfar seu reino, mas que eu como crente devo me empenhar para fazer com que sua promessa se torne verdadeira. Não posso deixar que o mundo pense que Deus é caloteiro, promete e não cumpre, mas sei que ele cumprirá através de nós e de forma histórica e humana. Assim é que me renova a esperança orar o salmo 23: “Deus Amor (no hebraico JHVH Aquele que é) é o meu pastor. Nada me pode faltar. Como um pastor conduz a ovelha a um pasto verdejante, ele me conduz na vida. Conduzido por seu amor, passarei os mais perigosos abismos, sem temer mal nenhum. Posso me apoiar em seu bastão e seu cajado. Eles me protegem. Para mim (comunidade de Israel e nós como comunidade), prepara uma mesa gostosa e me acolhe em sua casa. Viverei a alegria da sua intimidade a cada dia da minha vida”.  

Marcelo Barros

Camaragibe, Pernambuco, Brazil

Sou monge beneditino, chamado a trabalhar pela unidade das Igrejas e das tradições religiosas. Adoro os movimentos populares e especialmente o MST. Gosto de escrever e de me comunicar.

Informações

contato@marcelobarros.com