Blog Aqui vamos conversar, refletir e de certa forma conviver.

Testemunhas da Palavra

               O Evangelho desse domingo, tirado do prólogo de João (6- 8) e do primeiro testemunho de João Batista (1, 19- 28) nos chama a atenção para o fato de que a Palavra de Deus, a presença divina no mundo depende de testemunhas. Testemunhas (em grego mártires) são as pessoas que quando a gente convive com elas pode sempre dizer: Deus está ali. A gente quase pode tocar, cheirar, sentir sua presença neles e nelas. Mas, a boa notícia do evangelho hoje é que todos nós somos chamados a ser isso: testemunhas que transpiram Deus, que deixam Deus transparecer sua presença no mundo. 

         Nos anos 70, um cântico das comunidades dizia: Entre nós está e não o conhecemos. Entre nós está e nós o rejeitamos

        Atualmente, é importante traduzir o "entre nós" no sentido de "no meio de nós"  por no interior de cada um de nós, em nós. Essas são as palavras da mensagem de Natal de Dom Pedro Casaldáliga: "Em cada um/uma de vocês, eu vejo Deus". É preciso que nos alegremos com essa presença em nós e vivamos de acordo com ela. 

         Em um mundo e um Brasil como o nosso, hoje, o que significa ser testemunhas da Palavra que se fez e se faz carne? 

Marcelo Barros

Camaragibe, Pernambuco, Brazil

Sou monge beneditino, chamado a trabalhar pela unidade das Igrejas e das tradições religiosas. Adoro os movimentos populares e especialmente o MST. Gosto de escrever e de me comunicar.

Informações

contato@marcelobarros.com