Blog Aqui vamos conversar, refletir e de certa forma conviver.

Meditação Bíblica

Os rabinos antigos diziam que é perigoso a gente querer "explicar" uma oração. A relação amorosa se expressa de forma afetuosa. A oração não pode ser reduzida a um conjunto de fórmulas conceituais. Trata-se de um estado do ser, de um modo de relacionar-se com amor e abertura interior. Santa Tereza dizia: "Orar não é falar, não é pensar. É amar". Em muitas religiões a oração está ligada ao respirar, à quietude, o se colocar diante de Deus com humildade. Nas espiritualidades dos povos originários e comunidades negras, a oração está ligada ao corpo, à dança, ao sentir nas veias e nos ossos a presença e a ação do Espírito. Ler mais
Este foi o título que o papa Francisco deu ao segundo capítulo da encíclica Fratelli Tutti, no qual ele comenta o evangelho proposto para este domingo. É a parábola do samaritano que socorre o homem ferido na estrada de descida entre Jerusalém e Jericó (Lucas 10, 25- 37). Essa página do evangelho é das mais queridas pelas Igrejas da caminhada na América Latina. Ler mais
Neste domingo, no Brasil, a Igreja Católica vive a festa dos apóstolos Pedro e Paulo. O evangelho (Mt 16, 13- 19) é escolhido por causa da palavra de Jesus que teria dado a Pedro uma função especial na comunidade dos apóstolos: Tu és Pedro. A Igreja Católica construiu toda uma teologia sobre o ministério de Pedro e de seus sucessores que uma tradição muito antiga situa em Roma. Hoje, a maioria das igrejas históricas parecem dispostas a aceitar a necessidade de um ministério de coordenação e de unidade que pode ser realizado pelo bispo católico de Roma, o papa. Ler mais
Nesse primeiro domingo de julho, no Brasil, acontecem várias romarias e peregrinações tradicionais como a de Trindade em Goiás e a do Bom Jesus da Lapa, nas margens do agonizante São Francisco, no sertão da Bahia. Também, a cada ano, em julho, um grupo ecumênico de peregrinos e peregrinas do Nordeste caminha a pé para algum local que guarde a memória das lutas e do martírio do povo, como Canudos na Bahia ou a Serra da Barriga em Alagoas onde, no século XVII, se estabeleceu o quilombo dos Palmares. Nesse ano, a peregrinação é pelas estradas e caminhos de Alagoas. Ler mais
Neste XIII Domingo comum do ano C, o evangelho proposto pelo lecionário é Lucas 9, 51 a 62. Até parece que quem escolheu essa leitura sabia que esse evangelho seria meditado neste momento em que quase chegamos ao mês de julho que, no Brasil, é marcado por várias romarias, peregrinações e caminhadas comunitárias. Ler mais
Neste 12º domingo comum do ano (C), o evangelho proposto pelo lecionário ecumênico (Lucas 9, 18- 24) conta a cena, já muito conhecida na qual Jesus se retira do meio da multidão e, em lugar mais retirado, com os discípulos e discípulas, provoca uma espécie de revisão: Quem as pessoas dizem que eu sou? E vocês, o que dizem de mim? Ler mais
Hoje, é a festa do Corpo e Sangue de Cristo. E penso no fato de que nestes dias, estamos todos e todas em suspenso, exigindo e esperando respostas sobre o desaparecimento dos dois companheiros na Amazônia (Bruno e Don), sobre o assassinato de indígenas que continuam em escalada e lidando com as pessoas que se acotovelam em ônibus e no comércio e, ao mesmo tempo, as notícias avisando de que há novo surto de Covid e várias pessoas próximas testando positivo. Ler mais
Nos anos C, o lecionário para a festa da Santíssima Trindade retoma alguns versos do discurso que, segundo o quarto evangelho, Jesus fez durante a ceia. Esses versos (Jo 16, 12- 16) contém a quinta promessa que, nesse discurso, Jesus fez aos discípulos e discípulas de lhes mandar o Espírito Santo. Ele diz: "Tenho ainda muitas coisas a vos dizer, mas não sois capazes de as compreender agora. Quando vier o Espírito da Verdade, ele vos conduzirá à plena verdade. Ele dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará as coisas futuras" (Jo 16, 12- 13). Ler mais
Hoje, a liturgia das Igrejas celebra a festa de Pentecostes, ou seja, o quinquagésimo dia da Páscoa. É como a conclusão da festa e ao mesmo tempo o seu fruto mais profundo: a manifestação do Espírito Santo, a ventania do Amor Divino sobre todo o universo. Ler mais
Neste 6º Domingo da Páscoa, o evangelho proposto pelo lecionário ecumênico é João 14, 23- 29. Até 1968, era o evangelho lido na festa de Pentecostes. Agora, neste domingo, ele já nos convida a entrarmos no clima de Pentecostes que, para nós conclui as festas pascais. Ler mais
Neste 5º Domingo da Páscoa no ano C, o evangelho proposto pelo lecionário ecumênico é João 13, 31 a 35. São palavras que Jesus teria dito na última ceia, depois de ter lavado os pés dos discípulos e logo após ter anunciado que sairia dali para ser preso e assassinado pelos poderosos da Política e da Religião. Conforme o evangelho, Jesus proferiu estas palavras, assim que Judas saiu para combinar com os religiosos do templo como lhes entregaria o Mestre. Ler mais
Neste 4º Domingo da Páscoa do ano C, o lecionário propõe como evangelho João 10, 27 a 30. São apenas três versos quase do final da polêmica de Jesus com os religiosos do templo e guardiães da lei de Deus que tinham dificuldade de aceitar a proposta do evangelho e todas as suas consequências. Ler mais
Quem olha a realidade a partir da fé não pode deixar de pensar que estamos em tempos nos quais o poder do mal parece tomar conta de tudo. Por mais que protestemos e tentemos reagir, não há como negar que temos contra nós um sistema de poder opressivo e arrogante Ler mais
Neste 2o Domingo da Páscoa, o evangelho lido hoje nas Igrejas (João 20, 19- 31) revela que todas as vezes que nos reunimos no nome de Jesus refazemos e atualizamos aquele encontro dos discípulos com o Ressuscitado. Ler mais
Nessa manhã do Domingo da Ressurreição, a Igreja propõe como leitura evangélica o relato de Jo 20, 1 -9. "Este é o dia que o Senhor fez para nós, nele exultemos e nos alegremos, aleluia!" (Sl 118). Ler mais
Em um dos seus livros, o irmão Roger Schutz, fundador da Comunidade de Taizé, escreveu que, atualmente, a sociedade moderna (ocidental) parece viver um Sábado Santo permanente. Vive todo dia como neste dia em que o Cristo está no túmulo e parece que o próprio Deus morreu. É claro que, nos dias atuais, essa cultura moderna da secularização na qual não há lugar para Deus e a religião é misturado com uma volta do espiritual meio selvagem, livre, independente de instituições. E aí os sem religião podem ser os que se sentem fora das instituições religiosas, mas não necessariamente sem espiritualidade ou menos ainda sem Deus. Ler mais
Neste dia em que celebramos a Páscoa da Cruz, é uma graça divina mas também uma responsabilidade escutar a boa nova contida na narrativa da paixão de Jesus segundo João. Ela se diferencia das outras versões da paixão. Enquanto os outros sublinham os sofrimentos de Jesus, o quarto evangelho prefere mostrar como, mesmo no meio de todo sofrimento, Jesus tem a iniciativa de ir dirigindo os acontecimentos. Ler mais

Marcelo Barros

Camaragibe, Pernambuco, Brazil

Sou monge beneditino, chamado a trabalhar pela unidade das Igrejas e das tradições religiosas. Adoro os movimentos populares e especialmente o MST. Gosto de escrever e de me comunicar.

Informações